10/02/2010

SONHOS E VISÕES

TIPOS DE SONHO. O SIMBOLISMO DOS SONHOS.



SONHOS E VISÕESO psicólogo inglês Meyers, no seu livro Personalidade Humana, narra um caso acontecido com um contabilista. Ele havia cometido um erro em sua escrita e por mais que se esforçasse não conseguia localizá-lo. Certa noite, exausto de tanto pesquisar, adormeceu e em sonhos viu onde estava o erro: mês de setembro, página tal, linha tal. Maquinalmente, entre acordado e dormindo, anotou esses dados em uma folha de papel à beira de sua cama. De manhã, quando se levantou, havia esquecido o sonho, porém a anotação estava lá. Indo ao trabalho, e conferindo o registro, percebeu que a anotação estava exata. Jâmblico no seu De Mysteriis Aegyptorum assegurava que os sonhos divinos se produzem num estado intermediário entre o sono e o estado de vigília, durante o qual podemos ouvir vozes e sons. Entre os muçulmanos existe um rito chamado istiqhâra, no qual um homem só vai dormir depois de ter rezado uma prece para ter um sonho capaz de ajudá-lo a resolver um problema. Nos templos gregos e egípcios antigos existiam locais próprios para as pessoas dormirem quando necessitavam ter um sonho revelador. O próprio Jung somente chegou à compreensão da relação existente entre o consciente e o inconsciente mediante um sonho, conforme narrado por ele mesmo na sua autobiografia Memórias, Sonhos, Reflexões.Incrível é observarmos hoje toda essa herança cultural desprezada pela ciência. Na realidade, esse desprezo é reflexo da atitude da igreja que condenou os sonhos e suas práticas como sendo coisas de hereges, mesmo que o próprio Jesus tenha sido salvo dos soldados de Herodes por causa de um sonho de José. Existe uma diferença muito grande entre sonhos e visões. Os sonhos acontecem quando o corpo dorme e a alma (ou corpo astral) sai do corpo. As visões acontecem mesmo estando nós em estado de vigília. As visões são o funcionamento momentâneo da clarividência. É o tal de sonho acordado. Já os sonhos são a projeção do corpo astral, que todas as noites se despreende do corpo físico e, inconscientemente, perambula pelo Plano Molecular.TIPOS DE SONHOExistem pelo menos 5 categorias de sonhos: intelectual, motor, emocional, instintivo e sexual. De um modo geral, todos eles, independente da sua categoria, acontecem de forma incontrolada ou inconsciente. Isso é devido ao nosso estado psicológico atual, de criaturas totalmente adormecidas. Se um homem quiser "programar" ou controlar à vontade seus sonhos terá que deixar de agir mecanicamente quando em estado de vigília. Noutras palavras: quando despertarmos nossa Consciência, deixaremos de sonhar, porque os sonhos são exclusividade das pessoas adormecidas. Como 99% das pessoas são inconscientes, o sonho é o padrão universal e os desdobramentos do corpo astral, a exceção. No estado atual, de adormecimento e inconsciência coletivas, o homem praticamente não pode mais ter visões lúcidas e claras, como acontecia com os antigos sábios e governantes: estes, inclusive, respeitavam profundamente o dom onírico daqueles que serviam nas cortes e palácios. De qualquer maneira, o homem atual ainda sonha. Mas, só para dar uma idéia de como está atrofiada nossa memória onírica, basta dizer que poucos, de manhã, lembram o que sonharam durante a noite. E todo mundo tem sonhos durante a noite, por mais confusos e desconexos que sejam. Quem quiser progredir na ciência dos sonhos deve desenvolver sua memória onírica. Assim, poderá trazer ao consciente tudo aquilo que presenciou, testemunhou, viu, viveu e experimentou durante o sono. A técnica de desenvolvimento da memória onírica está no final deste arcano, nas práticas.O SIMBOLISMO DOS SONHOSMuita gente ficou rica escrevendo livros de interpretação dos sonhos. Não queremos entrar no mérito dessa questão. Queremos, isso sim, porque é nossa obrigação, dizer que não existe uma fórmula universal de interpretação de sonhos. A linguagem dos sonhos é muito individual e pessoal. Está intimamente ligada à história de cada um, o que não invalida o princípio de uma linguagem universal. Só que essa linguagem universal não está aberta a qualquer um. É preciso se tornar um Iniciado para conhecer a Linguagem de Ouro, a Linguagem dos Deuses. A principal ferramenta de trabalho para aquele que quer trabalhar com o simbolismo dos sonhos é a intuição. Deve trabalhar intensamente sobre esta faculdade. A intuição sempre age aliada à cultura. Contudo, alguma coisa podemos fazer em favor dos nossos estudantes. Os principais meios de apoio para todo aquele que quiser conhecer profundamente as revelações contidas nos sonhos estão no tarô (especialmente o tarô egípcio), na cabala, nas analogias filosóficas, nas analogias dos contrários, na numerologia, nos símbolos universais, nos livros sagrados,etc..SONO, MEDITAÇÃO E SONHOSExiste uma profunda ligação entre o sono, a meditação e os sonhos. O estudante que quiser progredir na ciência da meditação deve aprender a provocar e controlar o sono. Meditação sem sono prejudica o cérebro e não traz resultados. Quando o estudante começa a meditar de forma correta, numa primeira etapa experimenta as realidades ocultas na forma de sonhos. Vêm-lhe à mente muitas imagens confusas, enigmáticas e profundamente simbólicas. Despreparado, não consegue entender. Mas, se for persistente, começará a compreender o que eles (os símbolos) significam em sua vida interior e que papel representam. Numa segunda etapa, o estudante deixará de sonhar. Se dará conta que está fora do corpo físico e então começará a exercer domínio sobre o processo. Quando uma pessoa se dá conta que está no mundo dos sonhos, pode conduzir a experiência. Isso representa um gigantesco passo dado rumo ao despertar da consciência. Muito mais tarde, no tempo, o estudante que persistir em sua disciplina dos sonhos e da meditação, acordará ou andará totalmente desperto nas dimensões sutis da natureza, podendo ali penetrar ou delas sair à vontade. A meditação é fundamental para o desenvolvimento dos chakras. Quanto mais se meditar, quanto mais profunda for a meditação, mais elevados serão os planos de consciência que se atingirá. Dia virá em que o estudante obterá o êxtase, o samadhi, o satori, o desprendimento total da alma ou da consciência de todas as amarras da matéria física, emocional e mental. Então, como São Tomás de Aquino, poderá dizer: "Tudo que antes havia lido, tudo que sabia através dos outros não passava de água de rosas...".

Fonte:Não informadaPostado por Dream Yoga

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Verá com melhor nitidez esse site, com os navegadores Mozilla Firefox ou Google Chrome.

Obrigada, pela visita. Beijos de luz violeta na alma.

Tempo real da Terra e da Lua